Já parou para pensar se a sua profissão atual existirá daqui a 10 anos? Muitas atividades mudarão drasticamente e outras desaparecerão nesse período – ou até menos! Isso nada mais é que um reflexo da transformação digital no mundo corporativo

As empresas já entenderam e investem em inovação e na busca por talentos digitais. E você, está preparado para as profissões do futuro?

Mercado em busca de talentos digitais

Infelizmente parece haver uma dissonância entre os movimentos das organizações e dos profissionais. Isso vem fazendo com que muitas empresas percam competitividade.

Esse fato foi demonstrado recentemente por uma pesquisa realizada pela consultoria Capgemini em parceria com o LinkedIn. Foram ouvidos mais de 500 executivos e 750 funcionários de negócios espalhados por nove países: Espanha, Suécia, Reino Unido, França, Alemanha, Índia, Itália, Holanda e EUA.

Mais da metade dos executivos acreditam estar atrasados com o processo de transformação digital em seus negócios pela ausência de profissionais com capacidade, conhecimento e habilidades para conduzir a demanda. Destes, 51% revelam ser difícil encontrar profissionais para funções prioritariamente digitais, como cibersegurança e análise de dados.

Os profissionais também demonstram preocupação com o assunto. Mais de 38% crê que suas habilidades digitais percam relevância nos próximos cinco anos. Quase um terço dos entrevistados vê isso acontecendo em apenas dois anos.

Outro dado que chama a atenção é o descontentamento dos profissionais com os conteúdos oferecidos pelos empregadores. Mais de 50% deles consideram os cursos e programas oferecidos insuficientes para garantir a aquisição de novas habilidades digitais. Com isso, 55% afirma buscar pela atualização de sua capacidade digital por conta própria.

NÃO ESPERE: PREPARE-SE!

O levantamento da Capgemini em parceria com o LinkedIn traz alguns dados interessantes.  Sobretudo, para que profissionais possam refletir sobre o planejamento de suas carreiras. Afinal, existe um problema claro que nenhuma das duas pontas – empresas e trabalhadores – têm conseguido resolver a ponto do mercado se desenvolver de acordo com seu potencial.

É preciso investir na qualificação pessoal/profissional de forma proativa e não ficar esperando só pela cortesia da empresa.

De um lado, temos empresas que aderem rapidamente à transformação digital, mas não encontram no mercado profissionais em quantidade e qualidade de acordo com suas necessidades. No outro vértice, quase metade dos profissionais admitindo não procurar conhecimento e habilidades digitais fora dos muros de suas companhias.

Olhando do ponto de vista dos colaboradores, o quadro parece ser mais preocupante. Se os negócios se desenvolvem em ritmo mais lento do que poderiam, as pessoas podem depender dessas habilidades para sua subsistência em algum tempo.

Assim, voltamos à pergunta que abriu este post. E você, está preparado para as profissões do futuro? Se a resposta for qualquer uma que não um sonoro “sim”, reflita. Talvez seja o momento de agir e investir de forma proativa na sua qualificação profissional e pessoal.

Seja você também um talento digital! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *