Design de negócios: lições do artesanato que adaptei para o mundo digital

Há muitas lições do universo do artesanato adaptáveis para o mundo digital e, hoje, compartilho com você algumas delas.

Costurando informações entre o design de negócios, arte e artesanato, percebi diversas coincidências entre eles.

Aproveite para ler este artigo até o final e começar a aplicar, hoje mesmo, essas adaptações ao seu negócio.

Arte, artesanato e design de negócios: dividindo conhecimentos do mundo digital

O design de negócios surgiu para atender o mercado através da inovação, unindo princípios do design ao desenvolvimento de negócios.

Arte e artesanato se conectam ao mundo do design de negócios, dividindo conhecimentos do mundo digital e cada qual se adaptando para a criação de trabalhos inovadores.

Um dos principais pontos de identificação entre as áreas, está relacionado ao fato de que, mesmo seguindo as mesmas etapas, o mesmo processo e contexto, não há como obter resultados iguais.

Tive a oportunidade de acompanhar de perto, o trabalho de artesãs amazonenses na Copa de 2014, no atendimento à uma cooperativa que montou stands dentro dos estádios. Nessa época foi possível entender e visualizar essa conexão entre o trabalho artesanal e o design de negócios.

São inúmeras ferramentas, matérias-primas e ainda que sejam utilizados procedimentos iguais, cada resultado é único!

Marketing e o comportamento de compra no artesanato

Se você conhece uma artesã, um artesão, muito provavelmente, sabe que esse profissional aprecia ir até a loja comprar seus materiais, ferramentas e acessórios.

Além de revelar um comportamento de compra, isso também demonstra como funciona o marketing neste setor.

Estive inserido durante um tempo no universo do artesanato, entendendo de perto a rotina de compradores da região da famosa rua do centro de São Paulo, a 25 de março e ainda, atuando na estruturação de ações de marketing para empresas deste segmento.

O comportamento de compra do artesão funciona da seguinte maneira: ele utiliza a internet e as ações de marketing com a finalidade de pesquisa. Entende os preços, os benefícios dos produtos, detalhes sobre materiais e durabilidade.

Chega a adicionar os produtos no carrinho, entretanto, só conclui a compra pessoalmente, na loja física (ainda que isso custe mais caro do que a compra online).

A maioria dos artesãos não finaliza compras de tickets elevados pela internet. De certa forma, não confiam em passar o cartão no site ou preferem, de fato, a experiência da compra presencial e da retirada imediata.

Um dado interessante, é que artesãos das regiões Nordeste e Centro-Oeste do país, ainda lidam com certa escassez de matéria-prima e produtos, mas também optam por finalizar compras maiores diretamente em São Paulo, em substituição à internet.

Desafios da estruturação de e-commerces de artesanato

Atuando no mercado de artesanato e encarando essas lições que pude trazer e aplicar para o mundo digital, percebi os desafios de padronizar processos nesta área.

Além do comportamento de compra do cliente ser voltado mais para a pesquisa do que para a efetivação do negócio, existem algumas outras dificuldades para listar:

  • Desafios do transporte

Muitas vezes, os insumos do artesanato ou mesmo, peças e materiais de trabalho, são bastante volumosos e até, frágeis, para envio através de transportadora. Com isso, há elevação no custo e no risco de danos.

  • Rotina de atualização do e-commerce

Inúmeras peças e produtos, controle e atualização de estoque no e-commerce, são pontos que podem dificultar as ações do setor pela internet. É preciso planejar as ações e ter uma equipe dedicada a este trabalho.

  • Os clientes nem sempre estão online

No universo dos artesanatos, apesar do avanço da tecnologia e informação, ainda há muitos profissionais que atuam longe dos sites e redes sociais, o que dificulta o alcance e barra parte das vendas no online.

  • Guerra por preços

Um outro grande desafio enfrentado por e-commerces de artesanato, está relacionado aos preços desproporcionais para produtos e peças semelhantes.

Como existem divergências nos cálculos, alguns artesãos e produtores, possuem valores bastante distintos do mercado, gerando uma guerra por preços no setor.

O ideal é sempre listar custos e mão de obra, antes de precificar materiais e produtos prontos.

Quer saber mais sobre Design de Negócios, quer ajudar para arquitetar uma estratégia matadora para sua empresa? Clique aqui e faça como centenas de empresas, fale comigo agora!

E o que mais se pode adaptar do artesanato para o mundo digital?

Para finalizar, é preciso entender que assim como no artesanato, nem todas as ações cabem no mundo digital. É preciso estudar cada cliente e cada oportunidade para entender quais as melhores soluções se aplicam a cada um deles.

Muitas artesãs, por exemplo, começam no artesanato para suprir uma necessidade de algum produto ou como válvula de escape e terapia. Produzem conteúdos despretensiosamente e sem traçar grandes estratégias e, não raramente, conseguem atrair outras mulheres e pessoas interessadas na sua arte.

Destacando um case que vivi na prática, vi uma artesã consolidar seu belo trabalho através de conteúdo nas redes sociais, entretanto, sem técnica. Algumas falhas na escrita, mas bastante interação.

Ao tentar inserir princípios de copywriting e gramática correta nos posts, simplesmente, o engajamento da conta despencou!

Sim. As pessoas que seguiam o perfil, não viam mais a referência, a conexão inicial.

Com isso, não quero incentivar a produção de conteúdos de última hora. Este ponto serve para compartilhar o quanto aquele conteúdo conversava com a audiência que o seguia.

Umas das grandes lições que o artesanato trouxe para a minha rotina no mundo digital é que não há receita ou resultados iguais para tudo que se produz. Cada mercado, cada cliente, o cliente do cliente, reage de modo diferenciado às intervenções de inovação e tecnologia.

Se quiser entender como é possível criar estratégias específicas para o seu negócio, assim como uma obra única de um artesão, me chama e será um prazer conversar com você!

matofino

Descubra o propósito da sua marca
Receba nossa newsletter e fique por dentro das novidades em Branding e Negócios.