Estratégias online aumentam as vendas em e-commerce

Seguindo o rumo inverso aos demais tipos de varejo, o comércio eletrônico brasileiro tem se mostrado com métricas muito positivas em 2015, incitando novos investidores a iniciarem suas atividades neste campo. No entanto, como de fato atingir bons resultados no meio virtual?

Em junho deste ano, o país teve crescimento de 4,1% das vendas online no mês de junho em comparativo ao mesmo período no ano passado, é o que afirma o SpendingPulse, em um de seus relatório sobre o varejo da MasterCard. Mas apesar dos dados animadores, é importante frisar que tais índices são resultados de planejamentos bem pensados e estratégias eficientes.

Além de estruturar muito cuidadosamente questões óbvias como logística e disponibilidade de produtos ofertados, tão imprescíndível quanto, é implantar estratégias online, medida esta que toda loja eletrônica que possui ou pretende alçar boa margem de lucro detêm como mantra.

Quais estratégias podem alavancar a desenvoltura de um e-commerce?

Assim como o comércio físico, o habilitado na internet igualmente possui concorrentes qualificados, e em virtude disto, é muito comum que se realize pesquisas sobre o mesmo, tal qual o público e share a ser atingindo que podem ser analisados e mesurados por meio das próprias ferramentas disponibilizadas pela web.

Os dados coletados na rede, frequentemente, podem ser encontrados de forma simples e também atualizada, o que de maneira muito rica contribui para o programar de cada passo a ser dado, processo chave para o êxito, e que os negociantes virtuais mais atenciosos não têm deixado ser ignorado.

No articular de todo o planejamento, a comunicação outrossim se carateriza como essencial fator a ser delineado e aplicado, pois a mesma, reconhecidamente é um catalizador de clientes, principalmente na rede.

Marketing Digital impulsionada vendas do varejo online

Negociantes que tem trabalhado a comunicação de seu e-commerce, de modo extremamente significante, têm percebido acréscimos em seus relatórios de vendas e conversão de leads, bem como a fidelização de clientes.

Por meio de medidas simples, as lojas eletrônicas empregam suas estratégias de marketing de acordo com suas condições e metas, por meio de táticas como: SEO, e-mail marketing e inbound, desta forma, nutrindo sua popularidade na web que, consequentemente, ao se tornar mais conhecida entre os internautas, igualmente conquista a confiabilidade dos mesmos.

Segundo analises realizadas no início deste ano pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), as pessoas cada vez menos tem se sentido inseguras em efetuar aquisições de produtos na internet, atingindo 9,3 em uma escala de 0 a 10. Estudo que ratifica como uma comunicação bem desenvolvida e administrada tem beneficiado este tipo de comércio.

Uma outra estratégia muito bem aceita pelo público, é o contato com o negociante por meio de canais multidirecionais, tais como: redes sociais e chats que, devido a maior agilidade e clareza no solucionar dúvidas, proporciona maior interação e proximidade com quem está do outro lado dos cliks.

No mercado, sempre há o emergir de novas estratégias que, combinadas a internet, ofertam inúmeras oportunidades aos empreendedores que as adotando de forma bem idealizadas, têm no e-commerce um vasto e lucrativo espaço a ser explorado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *